ADEUS IDT OLÁ SICAD, ESTÁ TUDO IGUAL? E O POVO PÁ?

VEJA DECRETO DE LEI:

http://dre.pt/pdf1sdip/2012/01/01900/0047800480.pdf


VEJA AINDA:
http://www.dependencias.pt/ficheiros/produtos/1320420611Dep_Outubro_2011_Baixa.pdf



O SICAD 

Serviço de Intervenção nos Comportamentos Aditivos e Dependências) 

 VEIO SUBSTITUIR O 

IDT 

(Instituto da Droga e Toxicodependência )

ASSEGURANDO PARTE DAS COMPETÊNCIAS DO IDT

Terão sido regularizados as dívidas no final do

 ano? (fica esta questão no ar...)

 Pessoas que estão na rua, porque saíram de comunidades que faliram, e pessoas que não conseguem entrar, porque as comunidades não receberam a devida comparticipação e, portanto, não podem ter as pessoas para tratar...

A partir de agora, vão ser as ARS (administrações regionais de Saúde) a emitir os termos de responsabilidade por cada pessoa em tratamento e a pagar, mas a nova lei orgânica nada diz sobre o relacionamento com os privados e prevê apenas um período de transição de um ano para as unidades públicas. 



O SICAD manterá as competências de planeamento e 

estratégia de prevenção do actual IDT, mas tudo o que

 respeita a prestação de tratamento será integrado nas ARS.

Após este anúncio, João Goulão manifestou disponibilidade para continuar o projecto  desde que este mantivesse "o essencial da intervenção" no tratamento e prestação de cuidados a toxicodependentes e alcoólicos.

Garantidos parecem estar os problemas de financiamento, já que o sector continua dependente das receitas dos jogos sociais cujas receitas têm vindo a diminuir.


No âmbito do Compromisso Eficiência, o XIX Governo Constitucional quer tornar mais eficiente e racional a utilização dos recursos públicos e, por outro,  o cumprimento dos objectivos de redução da despesa pública.




o Autor do blogue escreve:

Esperemos que desta vez não vejam os pacientes toxicodependentes como números ou apenas aqueles que enchem clínicas que ao fim de algum tempo depois de serem gastos as centenas de milhares de euros pagas pelos contribuintes , estes pacientes ou voltam para as ruas "(até porque são raríssimos os casos de ajuda pós tratamento na integração na sociedade) ou o longo tempo (meses) de tratamento que não passam de um "mamar" destas instituições, um encher de bolsos de quem vive a custa disto", acabando a grande maioria por desistir entregues ou à vida que tinham ou novamente aos albergues de onde são quase como "recrutados".

Esperemos que desta vez e quando o Decreto-Lei n.º 17/2012 de 26 de janeiro 

Que diz:

"...no sentido de a tornar eficiente e racional na utilização dos recursos públicos e, por outro, para o cumprimento dos objectivos de redução da despesa pública a que o país está vinculado. Com efeito, mais do que nunca, a concretização simultânea dos objectivos de racionalização das estruturas do Estado e de melhor utilização dos seus recursos humanos...."


Faça de uma por todas, uma investigação sobre estas clínicas de recuperação porque a grande maioria que recebe estes subsídios tem frutos de mentira, e a verdadeira taxa de sucesso dos pacientes, é uma fantasia, ou é algo de momento, uma férias a arranjar jardins, é plantar sementes em rocha, nestas vistoria para verem onde é empregue o dinheiro dos contribuintes, ao invés de darem passeios pelas lindas e arranjadas instalações, para verem aqueles a trabalharem nos jardins que lá se encontram à anos, que, apesar de terem um excelente testemunho de recuperação ...(pelo menos do que se vê), se veja a verdade porque as clínicas não são só para estes que já lá se encontram , e já fazem parte da mobília.
Façam uma investigação na população toxicodependente cá FORA, que já lá tiveram,para os ouvir e tirar isto a limpo, porque a nossa maior frustração é nunca termos sido ouvidos..não há melhor vítima que o maluco...ninguém acredita nele não é?..pois é.
Mas há muita coisa para ser vista e revista , se quiserem ver claro.



Em 2010, estiveram em tratamento 
no IDT 46300 indivíduos, 38 mil toxicodependentes e 8300 alcoólicos. 
Dos 10600 novos utentes ou utentes 
readmitidos, 8400 foram atendidos 
nos CRI e destes 25% eram pessoas 
com Problemas Ligados ao Álcool e 
25% em consulta de prevenção indicada.



ALGUÉM
 ME SABE DIZER EM CLÍNICAS QUANTOS VERDADEIRAMENTE TIVERAM SUCESSO E SAÍRAM COM ESSA MUDANÇA DE VIDA PREGADA? TRABALHO? CASA? Onde estão? Como estão? Quem são?



ACREDITO NA METADONA...MAS DEVERIA SER VIGIADA E COM REGRAS MAIS APERTADAS, EU PRÓPRIO TIVE QUE APREENDER A RESPEITAR O TRATAMENTO.

 POIS OUTRORA NÃO RESPEITEI E PERDI, PERDI UM TERAPEUTA QUE CONFIOU EM MIM E  TRAÍ NA MENTIRA, PERDI A MINHA VERDADEIRA DIGNIDADE MAS HOJE VEJO QUE TEMOS QUE SER VIGIADOS SOMOS ADITOS E PRECISAMOS DESSA AJUDA DESSE ACOMPANHAMENTO, ASSIM COMO O PAÍS NECESSITA DE RESPEITO MAIS DO QUE NUNCA 
"INSTRUMENTO QUE DETECTA EM SEGUNDOS, SE HOUVE OU NÃO CONSUMO , NA ALEMANHA SE HOUVER O CONSUMO NAQUELE DIA JÁ NÃO TOMAM A METADONA, OU SEJA, FAZ AS PESSOAS NÃO ANDAREM A TOMAR AS DUAS E TRÊS , MAIS SUBSTÂNCIAS/DROGAS AO MESMO TEMPO COMO ACONTECE EM PORTUGAL."

MAS VEM ME DIZER QUE A TAXA DE MORTALIDADE É INFERIOR AO DOS OUTROS PAÍSES E ESSES MESMOS PAÍSES ATÉ FAZEM ESTUDOS EM PORTUGAL DO "SUCESSO" DA METADONA EM PORTUGAL,.

A RAZÃO É SIMPLES É QUE 5 EUROS DE HEROÍNA NUM OUTRO QUALQUER PAÍS DA EUROPA É MAIS FORTE QUE 100 EUROS DELA AQUI...

NA EUROPA MORREM MAIS DEPRESSA QUANDO INJECTAM HEROÍNA E ESTÃO A CONSUMIR METADONA AO MESMO TEMPO. É VERDADE.

 MAS O ESTADO DO TOXICODEPENDENTE AQUI  EM PORTUGAL É MUITO MAIS DEGRADANTE QUE NOS OUTROS PAÍSES PORQUE AQUI VÃO MORRENDO AOS POUCOS...

POR ISSO O RESULTADO TEM ESTE FALSO SUCESSO
MAS OS DOUTORES VEM DE TODO LADO ESTUDAR O CASO...SE FALASSEM CONNOSCO OS DOENTES, SABIAM MUITO MAIS RAPIDAMENTE A VERDADE..MAS QUEM NOS OUVE..AFINAL SOMOS DROGADOS..E DIZEM QUE PORTUGAL É O EXEMPLO DA NÃO DESCRIMINAÇÃO AO TOXICODEPENDENTE? 
NÃO HÁ PIOR DISCRIMINAÇÃO QUE ESTA ...OU SEJA IGNORAREM-NOS


EM OUTROS ARTIGOS DO BLOGUE JÁ FALEI DA MINHA EXPERIÊNCIA COM A METADONA EM OUTROS PAÍSES NOMEADAMENTE NA ALEMANHA ONDE EXISTEM REGRAS...


Comentários

  1. FAÇAM GOSTO NA PAGINA DO FACEBOOK PUBLICA O QUE QUERES RELACIONADO

    http://www.facebook.com/pages/Metadona-Portugal/486720281348631?ref=hl

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Olá às vezes posso passar alguns dias sem vir ver o teu comentário mas venho frequeentemente, por isso assim que puder dou um feed back, tem coragem e bom animo...tu é capaz

Mensagens populares deste blogue

METADONA EFEITOS COLATERAIS

Metadona e o excesso de peso

Coisas da metadona