PARA VER OS VIDEOS PARA A MUSICA

Global Debate Guerras das Drogas

Loading...

terça-feira, 2 de abril de 2013

Poema- Vivíamos Em Segredo


                                               Vivíamos em segredo




Vivíamos em segredo.
Vivamos escondidos.
Sozinhos
Com iguais...
parecidos
 Marginais
Bandidos
Coitadinhos pro´s mais queridos
 Escumalha para gente que cuspia pro alto.
Muitos afirmavam que era a nossa vontade.
Uma escolha.
Cá dentro uma luta.
Batalha constante
Raiva de nós próprios e as nossas vontades.
Um acto que nos fazia subir a mais alta das montanhas, com a mais ingreme das quedas.
Uma depressão de remorso que nos consumia.
Um rancor para com nós mesmos que ninguém entendia.
E o resultado era sempre igual.
Deitava mo-nos a pensar...
Amanha vai ser diferente dizíamos.
Corriam-nos as lágrimas pelo mal que fazíamos.
Sentia mo-nos os piores dos piores.
Também amamos, e desejamos.
Também quisemos e sonhámos.
 Planeamos uma vida.
 Um amor.
Um futuro
Também pensamos e nos criticamos...
 e nos odiamos...
 e nos questionámos...
Torna mo-nos o nosso pior acusador.
Parámos.
Tentamos.
Quase que conseguíamos.
Ouvíamos histórias de vitórias
Queríamos tentar.
Procuramos mudar. Nos apaixonar.
Viver.
Rejeitávamos a lembrança
Esforçava-nos para esquecer.
Mesmo presente nas esquinas, cegámos-nos.
Crucificava mo-nos.
Ouvíamos um chamamento.
Rejeitávamos.
Os cheiros,
os sons,
as cores
Traiam-nos os pensamentos.
E o vazio chegava...
aquele fundo tão fundo,
aquele dia tão triste
A garganta secava,
a pulsação acelerava,
até a barriga apertava.
E recaíamos.
Era só mais uma vez...
Era só mais uma vez...
Que mentira.
Que falsidade.
Quem queres tu enganar?
Aldrabar o mentiroso?
Só tretas.
Mais um moedinha mais uma voltinha...
there we go again....
vegetávamos,
vivíamos no medo
vivamos em segredo.

4 comentários:

  1. 多くの女性は長いデザイナー
    の靴を所有することではなくブティックや靴屋​​
    からペアを購入する余裕
    がなかった

    Stop by my blog - ミュウミュウ アウトレット

    ResponderEliminar
  2. OLA
    ESTOU A FAZER 10 ANOS NO PROGRAMA DA METHADONA
    .. ao ler o teu blog identifiquei-me com ele (e com o seu criador)
    10 Anos sem tocar em nada mais... com emprego , família, respeito próprio..
    estou longe de casa, trabalho em Zurique.. A Metadona pode não ser a solução perfeita, mas e uma solução que pode funcionar e trazer as nossas vidas de volta ..
    vou deixar aqui (desculpa o abuso) algo que escrevi em 1996 muitos anos antes de começar o programa de metadona .. acho que o que sentia é o que sentimos todos os que passamos por este flagelo da heroina...
    A uma heroina é o titulo do que na altura escrevi,era assim que era controlado pela droga ..em tudo o que fazia
    ..


    QUAL IMAN POTENTE
    ATRAINDO O FERRO
    PLANETA AZUL
    ATRAINDO A LUA

    QUAL REMOINHO
    QUE TUDO DEVORA
    ASSIM TU ME ATRAIS
    ME DESTROIS HORA A HORA

    QUAL TOLO INSECTO
    RODANDO A LUZ TRÊMULA
    NUMA RODA LOUCA
    QUE O LEVA Á MORTE
    ASSIM TU ME TRAZES
    NUMA VIDA INSANA
    RODANDO SEM RUMO
    ATÉ TER TAL SORTE

    QUAL BURACO NEGRO
    ONDE NADA EXISTE
    MESA SEM PÃO
    NUM LAR POBRE E TRISTE
    QUAL FONTE SEM ÁGUA
    NUM MÊS DE VERÃO

    ASSIM ESTÁ MEU SER
    ESTÁ MEU CORAÇÃO
    SEM AMOR, SEM ÓDIO
    OU OUTRA EMOÇÃO

    (foi em 1996, ainda continuei ate 2003/2004, mas o sistema de saúde suíço em 2003 deu-me a possibilidade da metadona e até hoje nunca mais senti aquilo que escrevi naquele dia)

    abeta.blogspot.ch

    ResponderEliminar
  3. São estas mensagens como a do Arthur que me fazem continuar a administrar o Blog...obrigado pela tua partilha e pelo teu poema ,è real, sentido, vivido, sofrido, é um retrato de um canso outrora vivido

    ResponderEliminar

Olá às vezes posso passar alguns dias sem vir ver o teu comentário mas venho frequeentemente, por isso assim que puder dou um feed back, tem coragem e bom animo...tu é capaz